Opinião

O crescimento do PSOL é negro, feminista e popular

O crescimento do PSOL é negro, feminista e popular

O PSOL-RJ se tornou o maior partido da esquerda no Estado do Rio de Janeiro a partir de 2018. Essa afirmação se refere ao que demonstrou o resultado das eleições proporcionais. Fundado em 2005, o PSOL saiu do último pleito estadual no Rio com uma margem aproximada de...

Estertores do bolsonarismo

Estertores do bolsonarismo

Estamos a dez dias das eleições gerais mais importantes para a consolidação da democracia no Brasil. Bolsonaro vem de quatro anos em campanha pela permanência no poder. Não conseguiu apoio suficiente para um autogolpe, nem para destruir o sistema de votação...

Os Presidenciáveis e as Cidades

Os Presidenciáveis e as Cidades

Por Helena Dolabela e Edésio Fernandes O processo de urbanização no Brasil é antigo, tendo começado na década de 1930. Desde meados da década de 1950 mais da metade da produção econômica do país já se dava nas cidades e o ritmo intensivo de urbanização se consolidou...

Bancada da devastação

Bancada da devastação

Pesquisa revela o protagonismo predatório assumido pela bancada ruralista, autodenominada Frente Parlamentar da Agropecuária, que reúne cerca de 240 membros

Conheça a loja Ninja

Opinião

O crescimento do PSOL é negro, feminista e popular

O crescimento do PSOL é negro, feminista e popular

O PSOL-RJ se tornou o maior partido da esquerda no Estado do Rio de Janeiro a partir de 2018. Essa afirmação se refere ao que demonstrou o resultado das eleições proporcionais. Fundado em 2005, o PSOL saiu do último pleito estadual no Rio com uma margem aproximada de...

Estertores do bolsonarismo

Estertores do bolsonarismo

Estamos a dez dias das eleições gerais mais importantes para a consolidação da democracia no Brasil. Bolsonaro vem de quatro anos em campanha pela permanência no poder. Não conseguiu apoio suficiente para um autogolpe, nem para destruir o sistema de votação...

Os Presidenciáveis e as Cidades

Os Presidenciáveis e as Cidades

Por Helena Dolabela e Edésio Fernandes O processo de urbanização no Brasil é antigo, tendo começado na década de 1930. Desde meados da década de 1950 mais da metade da produção econômica do país já se dava nas cidades e o ritmo intensivo de urbanização se consolidou...

Bancada da devastação

Bancada da devastação

Pesquisa revela o protagonismo predatório assumido pela bancada ruralista, autodenominada Frente Parlamentar da Agropecuária, que reúne cerca de 240 membros