Juan Manuel P. Domínguez

Ao longo de um século, Estados Unidos matam 100 milhões de pessoas

O jornalista e ex-professor Urias Rocha, de Mato Grosso do Sul, realizou uma breve cronologia das invasões e ataques dos Estados Unidos ao redor do mundo nos últimos 150 anos. A quantidade de mortes pelas quais são responsáveis é de aproximadamente 110 milhões de pessoas. Nunca foram denunciados formalmente ante tribunais internacionais.

Breve (e insuficiente) antropologia do natal

O natal, celebrado em território que foi violentado de forma impiedosa para que assim possa acontecer essa data de confraternização humana, é uma mostra de quão poucos cientes somos da nossa história, do verdadeiro sentido do nosso presente.

MAMA: um livro sobre maternidade dupla em relacionamentos homoafetivos

Na atual conjuntura política brasileira, deve-se reforçar que ser mulher, homossexual e mãe numa sociedade em que discursos de ódio são constantes afirmativas em representantes do Congresso, exige muita luta e resistência. E foi a partir de discussões como essas que chegou até mim o livro MAMA.

Sob o governo dos homens-falo

A violência oriunda do falocentrismo no Brasil é uma das maiores no mundo. Da piada preconceituosa aos feminicídios e aos crimes contra a população LGBTQ+, o Brasil coleciona perversidades que foram legitimadas com a eleição de Bolsonaro. Para compreender essa fixação convidamos o psicanalista Christian Dunker para responder as perguntas a seguir.

Deus e Jesus são transgênero

O Espírito Santo não têm gênero, ou até mesmo transcende a questão de gênero. Deus é o povo que o ama e habita em seu coração.