Foto: André Mantelli

Nós, Teatro Oficina Uzyna Uzona
nos solidarizamos ao Museu Nacional,
Y nos inflamamos, em coro de reexistência, para uma longa luta COSMOPOLÍTICA contra as políticas de destruição das ciências, dos saberes, da memória, da arte y da cultura em curso neste país.

Hoje, transfigurados em cinzas, 200 anos de história arrancados de nós.

É urgente encarnar a força da INSURREIÇÃO nos corpos diante da sucessão de tragédias nesta terra, brasil.

A queda vertiginosa no orçamento – e do pensamento ligado à ciência, arte, cultura e transe – neste país, é diretamente proporcional à altura e ao calor das chamas que comem nossa memória em carne viva.

Aqui agora: museu nacional e tantos outros de nós, humanos e não-humanos: símbolos atômicos em perigo! aparecemos e desaparecemos, acendemos e apagamos, cardioeletricamente plugados, em contracenação com as políticas de morte do Estado contras os povos, aliadas à tabela periódica das políticas de emburrecimento geral da nação.

Até abril deste ano, foram aplicados somente 54 mil reais na instituição
info via Tarcísio Motta

VEM
JUSTIÇA JUSTA DE XANGÔ
VISÍVEL
RAIA JÁ!
DE MACHADO LUMINADO!
– canto pra xangô em Bacantes, no Teatro Oficina Uzyna Uzona.

SEJAMOS FÔLEGO Y FORÇA
UNS AOS OUTRXS
A LUTA É COSMOPOLÍTICA

Conheça outros colunistas e suas opiniões!

NINJA

E quando quem tá para servir, te persegue?

Gabriel RG

Black face, white power

Daniel Zen

Passarinho que come pedra...

Eduardo Sá

Leci Brandão: a resistência da mulher negra

Caetano Veloso

Descubra quem é o jovem pensador marxista que mudou a cabeça de Caetano Veloso

Tainá de Paula

Ô glória: o Rio de Janeiro no fundo do poço

Daniel Zen

Liberais na economia, nazistas nos costumes

NINJA

Quando se demonizam os evangélicos...

Victoria Henrique

Seria o incômodo o antônimo de admiração?

André Barros

Trump é o fim do mundo?!

Juan Manuel P. Domínguez

Gail Dines: “A pornografia é a máquina de propaganda do patriarcado”

Gabriel RG

Cosplay nazista de Roberto Alvim rompe a cortina ideológica de toda a direita

Boaventura de Sousa Santos

Para uma nova Declaração Universal dos Direitos Humanos I

Valentine

A luta de classes no Brasil tem a ver com raça e gênero, sim! Parte 1

Boaventura de Sousa Santos

Sopram bons ventos da Espanha