No quarto episódio da série A Bíblia e os Direitos Humanos, Pastor Ariovaldo conta que segundo um texto bíblico, aquele que furtava, não furte mais. Antes trabalhe, fazendo com as próprias mãos o que é bom para que tenha com o que acudir ao necessitado. A função social do trabalho é para enriquecer a sociedade. O contrário de roubar no novo testamento é trabalhar em função do progresso de todos, logo o empreendedorismo que a bíblia apoia é chamado de empreendedorismo social. Assista!

Conheça outros colunistas e suas opiniões!

Renata Frade

Lusofonia, diversidade e inclusão de gênero marcam nova comunidade feminina tecnológica  

Talles Lopes

Cultura: o que fazer diante do tsunami Omicron… 

Aquiles Marchel Argolo

Confinada: um diário obrigatório

Amanda Gondim

Desastres ambientais e a violação dos direitos humanos

Ivana Bentes

Estranhas no Paraíso

Colunista NINJA

2022: Estado de Emergência Cultural

Colunista NINJA

A imagem que revela outro Brasil possível

Campanha em Defesa do Cerrado

Dor, indignação e admiração: forças-correntezas presentes na Audiência das Águas

NINJA

O extremo como banalização da vida

Márcio Santilli

Lula e os males do Brasil

Amanda Pellini

O tecnicismo da medicina atual e os cuidados paliativos

Bruno Trezena

Não olhe para cima! (versão Brasil)

Márcio Santilli

Chegou a hora da verdade climática

Kelly Batista

Da literatura a filosofia: 19 curiosidades e referências sobre Matrix

Jorgetânia Ferreira

Por um Feliz Ano Novo