.

Você viu? O presidente desse desgoverno, que assalta o Brasil, acabou com programa da Farmácia Popular! Isso mesmo! Acabou o programa Farmácia Popular.

E os pobres que não têm recurso para adquirir remédios, como ficam? Simplesmente, não ficam!

Você viu? Passou na CCJ da Câmara Federal a proposta do distritão, para 2018 e 2020, uma forma de eleição que enfraquece os partidos e destrói o pouco de noção de representatividade que a gente tinha no sistema proporcional.

Só as Republiquetas de Bananas usam esse sistema que disfarça a tirania.

Ah! Eles ainda querem um suplemento de Três Bilhões e meio de Reais para financiar as eleições deles!

Pois é! Enquanto eles aprovam tudo, nossos analistas dizem que eles estão caindo de podres!

Mas, também, pudera…

Eles congelaram os investimentos essenciais e a gente não reagiu; eles fizeram a reforma do ensino médio e a gente deixou os estudantes lutando sozinhos; eles impuseram a terceirização ilimitada e a gente não reagiu; eles impuseram a reforma trabalhista que roubou o direito do trabalhador e a gente não se mexeu!

Eles, então, resolveram decretar que o Brasil não passa de uma republiqueta de bananas…

Os tiranos são eles e os bananas somos nós!

Conheça outros colunistas e suas opiniões!

FODA

Qual a relação entre a expressão de gênero e a violência no Carnaval?

Márcio Santilli

Guerras e polarização política bloqueiam avanços na conferência do clima

Colunista NINJA

Vitória de Milei: é preciso compor uma nova canção

Márcio Santilli

Ponto de não retorno

Márcio Santilli

‘Caminho do meio’ para a demarcação de Terras Indígenas

Jade Beatriz

CONAE: Um Marco na Revogação do Novo Ensino Médio

Ediane Maria

O racismo também te dá gatilho?

Bancada Feminista do PSOL

Transição energética justa ou colapso socioambiental: o momento de decidir qual rumo seguir é agora

XEPA

Escutar os saberes ancestrais para evitar a queda do céu, o sumiço do chão e o veneno no prato

Instituto Fome Zero

MST: 40 anos de conquistas e de ideias que alimentam a esperança de um mundo sem Fome

André Menezes

Os sons dos vinis: um papo com Dj Nyack, diretamente da Discopédia

André Menezes

Eu preciso falar sobre o desfile da Portela

William Filho

Minha dica ao novo secretário de Justiça

André Menezes

Tá no sangue: um papo sobre samba com os irmãos Magnu Sousá e Maurílio de Oliveira

Márcio Santilli

Bancada da Bala vai às urnas com todas as armas