Atitude de Gabriel causou comentário de Tadeu Schmidt acerca dos limites em um relacionamento

Foto: reprodução/TV Globo

O comportamento de Gabriel e Bruna Griphao, participantes do “Big Brother Brasil 23” — e o relacionamento tóxico cultivado entre os dois —, fez transbordar as opiniões de famosos, artistas e ex-BBBs. No último domingo (22), o apresentador Tadeu Schmidt fez um “alerta” para os brothers, como o próprio disse, e destacou uma conversa entre ambos no confinamento.

“Olha esse diálogo. Bruna falando: ‘Eu sou o homem da relação’. Gabriel falando: ‘Mas já já você vai tomar umas cotoveladas na boca’. Gabriel, em uma relação afetiva, certas coisas não podem ser ditas nem de brincadeira. Esse é o recado que eu queria deixar”, avisou Schmidt.

Após a repercussão do caso, famosos usaram as redes sociais para demonstrar solidariedade a Bruna. “O Tadeu literalmente avisou pra Bruna que quem tá numa relação abusiva muitas vezes não consegue perceber. Mostrou o abuso dele”, escreveu o youtuber e influenciador digital Felipe Neto, por meio do Twitter.

Após o episódio, Bruna Griphao e Gabriel decidiram se afastar. “É minha culpa também. É culpa tanto minha quanto dele. Não acho que tem só vítima e só vilão”, afirmou a atriz. “Que vergonha, papo reto. Não vim para isso. Eu não vim para isso”, ressaltou ela.

Artistas apoiaram a decisão. “É inadmissível a forma que o Gabriel age com a Bruna”, tuitou a cantora Lexa, esposa de MC Guimê, um dos participantes do “BBB 23”. A modelo Nicole Bahls reforçou a opinião: “Esse posicionamento do BBB, referente ao que estava acontecendo, é de uma importância extrema. Sabemos o quanto o programa tem credibilidade e influência na vida das pessoas”, ela postou.

“Tadeu foi cirúrgico e necessário”, elogiou a atriz e cantora Cleo. Vencedora da 18ª edição do “Big Brother Brasil”, Gleici Damasceno se posicionou ao lado de Bruna, mas afirmou acreditar que Gabriel acabará como um dos favoritos após o caso. “Ele vai baixar a bola, tratar ela (Bruna) bem, ficar bonzinho e é capaz até de virar favorito, é isso que eles fazem…”, escreveu.

“Parabéns Globo, por fazerem o que deveriam ter feito em 2017. Assim a Bruna não precisa passar por mais de quatro anos de terapia para tentar superar as agressões psicológicas e físicas como eu”, escreveu Emilly no Twitter.

Em 2017, ela foi agredida por Marcos Harter no programa, o que gerou a expulsão do rapaz. Na ocasião, foi aberto um inquérito para investigar a situação.

Como identificar relação tóxica?

De acordo com a psicanalista Kélida Marques, que atua visando capacitar as mulheres nas vertentes da mente, corpo e espírito, ninguém se propõe a viver um relacionamento doentio e todos os seres humanos estão em busca do vamoso “felizes para sempre”, porém, nem sempre isso acontece e o que era para ser promissor acaba se tornando maléfico.

“Um relacionamento tóxico é aquele que afeta negativamente a saúde e o bem-estar de uma pessoa e o mais grave é que a pessoa começa a acreditar que merece aquela situação e passa a viver em um círculo”, explica à psicanalista e ressalta que, em um relacionamento tóxico, as pessoas tendem a gastar muito do seu tempo e energia em coisas negativas, como ciúme, possessão e brigas. “E essa relação acaba influenciando todas as outras áreas. Por isso, é tão comum que as pessoas que vivem uma relação doente, sofram com outros problemas, como doenças e falta de dinheiro”, completou em entrevista ao Bem Paraná.

*Com informações do Splash Uol