Ao todo, são cumpridos 18 mandados de busca e apreensão, sendo 16 em São Paulo, um em Minas Gerais e um no Paraná. Os produtos em questão incluem fenacetina, acetona, éter etílico, ácido clorídrico, manitol e acetato de etila

Foto: reprodução

Renato Cariani, que se intitula coach motivacional e instrutor de condicionamento físico, foi um dos alvos de uma operação policial sobre um esquema de desvio de produtos químicos para a produção de crack. A Operação Hinsberg desmantelou uma organização criminosa que atuava no desvio de produtos químicos por meio da emissão fraudulenta de notas fiscais. Os produtos desviados têm potencial para produzir mais de 19 toneladas de cocaína e crack prontas para o consumo, afirmou a Polícia Federal.

Ao todo, são cumpridos 18 mandados de busca e apreensão, sendo 16 em São Paulo, um em Minas Gerais e um no Paraná. Os produtos em questão incluem fenacetina, acetona, éter etílico, ácido clorídrico, manitol e acetato de etila. De acordo com o Gaeco, a quantidade de material apreendido seria suficiente para fabricar cerca de 15 toneladas de crack.

A investigação da PF identificou que o esquema criminoso envolvia a emissão fraudulenta de notas fiscais por empresas licenciadas para vender produtos químicos em São Paulo. Utilizando “laranjas” como supostos funcionários de grandes multinacionais, a organização criminosa realizava transações dissimuladas.

Outro suspeito é Fabio Spinola, que já foi preso por envolvimento nesse tipo de crime em operação da PF no Paraná. Na casa dele foram encontrados mais de R$ 100 mil em espécie. De acordo com a PF, ele seria o intermediador entre a indústria química e os produtores da droga, destaca o G1.

Renato Cariani, que se apresenta como “professor de química” em suas redes sociais, possui formação em Química, Administração de Empresas e Educação Física. Cariani foi apontado como parte integrante dessa operação criminosa, e as autoridades seguem investigando o caso para esclarecer o seu envolvimento no esquema. O influenciador ainda não se pronunciou sobre as acusações.