Foto: Reprodução / IP Noticias

A Mídia NINJA esteve ao vivo, esta semana, em noticiário da TV argentina, no canal IP Información Periodística, para denunciar e atualizar os argentinos sobre a situação política brasileira diante da crise do coronovírus no país. O midiativista Oliver Kornblihtt, da Mídia NINJA, concedeu entrevistas aos jornalistas da IP Notícias, durante o programa Tarde a Tarde, que questionaram sobre o aumento das mortes no Brasil e a crise que se instalava no Palácio do Planalto com a demissão de comandantes do governo Bolsonaro.

“Braga Netto, o novo ministro da Defesa, já fez um comunicado informando que o ‘movimento de 1964’, pois eles se recusam a chamar de golpe, deve ser celebrado”, denunciou Oliver na TV. A entrevista foi concedida em 31 de março, pouco depois do anúncio do general Braga Netto na cadeira de ministro da Defesa, após a demissão de comandantes do Palácio.

Questionado sobre o regime militar no Brasil em relação às outras ditaduras na América Latina, Oliver mencionou que no Brasil há uma grave dívida que se alastra no período de democracia quando então a ditadura militar foi rompida no país. “O Brasil não vive um processo de resgate da memória como viveu a Argentina”, disse, mencionando a Comissão da Verdade e as investigações ainda em curso sobre as violências cometidas durante a ditadura brasileira.