Foto: Raíssa Oliveira

O Brasil e o mundo se preparam para mais um #8M. Milhares de atividades estão sendo programadas por entidades e organizações feministas mundo afora para fazer ecoar as pautas das mulheres nesta data internacional. Em 2024, as reivindicações reafirmam a luta contra a violência de gênero, pela legalização e descriminalização do aborto e contra a guerra que violenta e mata mulheres em Gaza.

Confira abaixo a relação dos atos marcados para este #8M:

NO BRASIL

  • NORDESTE
    • Aracaju (SE)
      Concentração na Praça da Bandeira, a partir das 7h
    • Crateús (CE)
      Praça dos Pirulitos, a partir das 7h30
    • Fortaleza (CE)
      Praça do Ferreira, das 8h às 17h
    • Beberide (CE)
      Associação de Moradores Prainha do Canto Verde, a partir das 9h
    • Juazeiro do Norte (CE)
      Praça da Prefeitura, a parit das 15h
    • Crato (CE)
      Praça da Sé, a partir das 17h
    • Maceió (AL)
      Concentração na Praça Deodoro, a partir das 9h
    • João Pessoa (PB)
      No Ponto de Cem Réis, a partir das 9h
    • Santa Rita (PB)
      Praça do Chafariz, a partir das 14h
    • Campina Grande (PB)
      Praça da Bandeira, a partir das 15h
    • Vitória da Conquista (BA)
      Praça Barão do Rio Branco, a partir das 8h
    • Porto Seguro (BA)
      Auditório da OAB, às 9h
    • Salvador (BA)
      Concentração no Campo Grande, a partir das 13h
    • Natal (RN)
      Avenida Rio Branco, 510, a partir das 14h30
    • Petrolina (PE)
      Praça do Bambuzinho, a partir das 8h
    • Serra Talhada (PE)
      Praça dos Ipês, a partir das 8h
    • Recife (PE)
      Concentração no Parque 13 de Maio, a partir das 15h
    • São Luís (MA)
      Concentração na Praça Deodoro, a partir das 15h
    • Teresina (PI)
      Concentração na Praça do FRIPISA, a partir das 8h
  • NORTE
    • Palmas (TO)
      No Parque dos Povos Indígenas, das 14h às 20h30
    • Macapá (AP)
      Casa do Artesão, a partir das 16h
    • Boa Vista (RR)
      Praça Germano Sampaio, a partir das 18h30
  • SUDESTE
    • Vitória (ES)
      Na Casa Porto, a partir das 8h30
    • Rio de Janeiro (RJ)
      Na Cinelândia, a partir das 16h
    • Petrópolis (RJ)
      Praça da Inconfidência, a partir das 17h
    • São João Del Rei (MG)
      Igreja São José Operário, a partir das 8h
    • Uberlândia (MG)
      Praça Ismene Mendes, a partir das 15h
    • Belo Horizonte (MG)
      Concentração na Praça Raul Soares, a partir das 17h
    • Juiz de Fora (MG)
      Concentração no Parque Halfeld, a partir das 17h
    • São Paulo (SP)
      No Museu de Arte de São Paulo (MASP), a partir das 17h
    • Campinas (SP)
      Largo do Rosário, a partir das 17h
  • SUL
    • Curitiba (PR)
      Concentração na Praça Santos Andrade, a partir das 15h
    • Chapecó  (SC)
      Na Praça Central, das 9h às 12h
    • Florianópolis (SC)
      No Largo da Alfândega, a partir das 14h
    • Joinville (SC)
      Praça da Bandeira, a partir das 18h
    • Porto Alegre (RS)
      Concentração na Esquina Democrática, a partir das 18h
  • CENTRO-OESTE
    • Campo Grande (MS)
      Rua 14 de Julho, esquina com Avenida Afonso Pena, a partir das 8h
    • Brasília (DF)
      Na Praça Zumbi dos Palmares no Conic, a partir das 16h
    • Goiânia (GO)
      Praça da Catedral, a partir das 16h

NA AMÉRICA

 

NO RESTANTE DO MUNDO

  • Berlim, Alemanha
    Innsbrucker Str. 58, a partir das 12h
  • Karlsruhe, Alemanha
    Stephanplatz, a partir das 17h
  • Lisboa, Portugal
    Alameda, a partir das 18h
  • Barcelona, Espanha
    Dos Jardinets de Gràcies, a partir das 18h
  • Madri, Espanha
    Baby Block no Botánico, a partir das 18h
  • Madri, Espanha
    Praza Cólon, em Atocha, a partir das 19h
  • Asturias, Espanha
    Parque Antonio García Lago (Parque Nuevo), em Langreo, a partir das 19h