Guilherme Boulos tem 30% das intenções de votos para a Prefeitura de São Paulo, com um empate técnico com Ricardo Nunes (MDB), que aparece com 29% das intenções, mesmo estando à frente da prefeitura por quatro anos

Foto: Leandro Paiva

Uma pesquisa Datafolha divulgada nesta segunda-feira (11) revelou que Guilherme Boulos tem 30% das intenções de votos para a Prefeitura de São Paulo, com um empate técnico com Ricardo Nunes (MDB), que aparece com 29% das intenções, mesmo estando à frente da prefeitura por quatro anos. Guilherme Boulos é atualmente deputado federal (PSOL-SP).

O levantamento, realizado entre os dias 7 e 8 de março, ouviu 1.090 eleitores. Com uma margem de erro de três pontos percentuais para mais ou para menos.

Tabata Amaral (PSB) surge com 8% das intenções de voto, enquanto Marina Helena (Novo) e Kim Kataguiri (União Brasil) seguem com 7% e 4%, respectivamente. Altino (PSTU) registra 2% das intenções.

Os dados revelam também que 14% dos entrevistados afirmaram que votariam em branco, nulo ou em nenhum dos candidatos, enquanto 6% afirmaram ainda estar indecisos.

No Dia Internacional da Mulher, a chapa formada por Guilherme Boulos, do Psol, e Marta Suplicy, do PT, anunciou um compromisso significativo em sua corrida para a Prefeitura da capital paulista nas eleições deste ano. Boulos e Suplicy garantiram que, se eleitos, metade do secretariado da cidade será composto por mulheres.

“A nossa chapa assume o compromisso de, ganhando as eleições em São Paulo, a partir de 1º de janeiro do ano que vem haverá secretariado igualitário na nossa cidade. [Haverá] pelo menos 50% de mulheres para fazer de verdade, não só no discurso, São Paulo a capital do combate ao machismo e do protagonismo feminino”, afirmou Boulos durante o evento.