Foto: Isac Nóbrega/PR

A demissão de Luiz Henrique Mandetta do ministro da Saúde, determinada de maneira irresponsável por Jair Bolsonaro nesta tarde em Brasília, repercutiu em vários âmbitos das redes sociais logo após o anúncio do agora ex-comandante da pasta no Twitter confirmando a saída.

Em meio à crise da pandemia do coronavírus, a relação entre Bolsonaro e Mandetta se desgastou. Uma das principais discordâncias entre o ex-ministro e o presidente é sobre o isolamento da população como estratégia para conter o avanço do vírus.

Com duras críticas, parlamentares, lideranças de movimentos, governadores e a população repudiaram a saída do médico, mais uma atitude irresponsável de Bolsonaro, que vem constantemente quebrando os acordos relativos às medidas de distanciamento social e colocando a população em risco, a qual deveria proteger.

Confira a repercussão no Twitter:

Após a demissão Mandetta, o oncologista Nelson Teich assumiu a pasta. Ele se reuniu nesta quinta-feira (16/04), no Palácio do Planalto, com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), antes do anúncio da demissão de Mandetta. Os usuários também já reunem um dossiê sobre os posicionamentos absurdos do oncologista que ocupará o cargo. Confira: