Foto: Reprodução

Parte de uma arquibancada na cidade de El Espinal, Tolima, na Colômbia, desabou neste domingo (26/6) durante uma tourada anual da cidade. O acidente deixou ao menos quatro mortos e centenas de feridos.

O major Luis Fernando Vélez, diretor da Defesa Civil de Tolima, assegurou que um grupo de voluntários de Ibagué está se preparando para apoiar os esforços de resgate. As informações são do jornal colombiano Caracol.

De acordo com Patricia Henao, gerente do El Hospital San Rafael, por enquanto os pacientes que foram transferidos estão sendo tratados. A Rádio Caracol conversou com Eduardo Rodríguez, proprietário de um estabelecimento comercial que fica próximo ao terreno onde esta estrutura estava localizada. Ele afirmou que a queda se assemelhou a uma caída de castelo de cartas.

“Eles estão derrubados, há muitos feridos, mortos, crianças desaparecidas, muito pânico porque a barreira estava cheia. Os touros saíram, mas eles foram controlados”, disse.

“Meu Deus, isto é uma emergência, terrível, acabou de acontecer em El Espinal, numa festa de touradas, uma grande parte das caixas caiu sobre mim, há muitos feridos”, ouve-se num dos vídeos que circularam nas redes sociais no momento do colapso da estrutura.

Gustavo Preto, que assumirá a presidência do país em 7 de agosto, se manifestou em repúdio às touradas. “Espero que todas as pessoas afetadas pelo desabamento da Plaza de El Espinal possam sair ilesas”, escreveu no Twitter. “Isso já havia acontecido antes em Sincelejo. Peço aos prefeitos que não autorizem mais shows com a morte de pessoas ou animais”.