Imagem: Bruno Teixeira/ Ag. Corinthians

Para essa importante decisão Arthur Elias pelo Corinthians escalou Lelê, Katiuscia, Mimi, Pardal, Juliete, Erika, Gabi Zanotti, Vic Albuquerque, Tamires, Grazi, Millene.

Ricardo Abrantes escalou Kaká, Larissa, Day, Andressa e Fernanda Palermo, Bia Menezes, Ju e Gaby, Flávia, Ana Carla e Rafa Barros.

Nos primeiros minutos de jogo, as meninas da Gávea estavam com um frequente ataque mas eram sempre neutralizadas pelas corinthianas. O primeiro gol saiu só aos 41, Tamires carrega a bola e faz um belo gol à esquerda da goleira rubro negra.

Com uma bela vantagem já conquistada na casa do Flamengo, o Timão administrou a partida no segundo tempo. E dessa forma, aos 45, Ingryd livre na área, fechou o placar para classificar o Timão.

Corinthians está classificado para final do Brasileirão. Mas sua próxima partida é pelo paulista, semifinal contra a Ferroviária, quarta-feira, às 19h, na Arena da Fonte, em Araraquara (SP).

Conheça outros colunistas e suas opiniões!

André Barros

O racismo e o pito do Pango

Boaventura de Sousa Santos

Lula da Silva: a democracia entre o passado e o futuro

Renata Mielli

Que manchete um jornalista daria para essa notícia?

Manuela d'Ávila

Joice, eu sou sinceramente solidária a você porque sei o que você está vivendo

Mônica Horta

Moda contemporânea e seus múltiplos caminhos

Daniel Zen

Embustes e engodos da chamada nova política

Colunista NINJA

Hey branquitude, o que você está fazendo para acabar com o racismo que você mesma criou?

Ivana Bentes

As cotas e a pesquisa do IBGE: conservador, não tem volta não!

André Barros

O porteiro do condomínio do Bolsonaro

Jean Wyllys

Carta a Dilma: Eu cuspi na cara dele por você, Dilma. Por nós.

Renata Mielli

A crueldade como ferramenta jornalística

Daniel Zen

O equívoco liberal chileno

Victoria Henrique

Um (quase) final de ano de tantos retrocessos

Eduardo Sá

“Não colem em mim esse discurso da meritocracia”, diz Conceição Evaristo

Preta Rara

A senzala moderna é o quartinho da empregada