Em ano de Copa do Mundo, temos uma certeza: nos meses próximos ao início do evento, boa parte das publicidades são relacionadas ao campeonato, com jogadores expondo marcas de diversas maneiras. Eis que em 2019 a TV aberta vai transmitir pela primeira vez a Copa do Mundo Feminina e, a pouco mais de um mês da competição, a publicidade com as jogadoras basicamente não existe. Pensando em reverter este panorama sexista, a Guaraná Antártica, uma das patrocinadoras da Seleção Feminina criou a campanha #CoisaNossa estimulando que outras empresas façam suas propagandas com as jogadoras e, desta maneira, apoiar à Seleção Feminina na Copa do Mundo! E sim, o dinheiro da venda das imagens será revertido para as jogadoras.

A Copa está há uma menos de uma semana e perguntamos: Quantas vezes você viu as jogadoras em propagandas até então?

View this post on Instagram

Em ano de Copa do Mundo, temos uma certeza: nos meses próximos ao início do evento, boa parte das publicidades são relacionadas ao campeonato, com jogadores expondo marcas de diversas maneiras. Eis que em 2019 a TV aberta vai transmitir pela primeira vez a Copa do Mundo Feminina e quando faltava um mês para a competição, a publicidade com as jogadoras basicamente não existe. Pensando em reverter este panorama sexista, a Guaraná Antártica, uma das patrocinadoras da Seleção Feminina criou uma campanha estimulando que outras empresas façam suas propagandas com as jogadoras e, desta maneira, apoiar à Seleção Feminina na Copa do Mundo! E sim, o dinheiro da venda das imagens será revertido para as jogadoras. A Copa está há uma menos de uma semana e perguntamos: Quantas vezes você viu as jogadaras em propagandas até então? #CopaDoMundoFeminina #GuaranáAntartica #GoGirls #Jogadoras #Publicidade #SeleçãoFemininaDeFutebol #CopaDoMundoFemiNINJA

A post shared by Encuentro De Feminismos (@ellasmujereslatinas) on

Conheça outros colunistas e suas opiniões!

NINJA

Veto à Praça Marielle Franco é mais um gesto autoritário do governador do Distrito Federal

Roger Cipó

Reflexões sobre o amor na luta contra o racismo

NINJA

E quando quem tá para servir, te persegue?

Gabriel RG

Black face, white power

Daniel Zen

Passarinho que come pedra...

Tainá de Paula

Ô glória: o Rio de Janeiro no fundo do poço

Daniel Zen

Liberais na economia, nazistas nos costumes

NINJA

Quando se demonizam os evangélicos...

Victoria Henrique

Seria o incômodo o antônimo de admiração?

André Barros

Trump é o fim do mundo?!

Juan Manuel P. Domínguez

Gail Dines: “A pornografia é a máquina de propaganda do patriarcado”

Gabriel RG

Cosplay nazista de Roberto Alvim rompe a cortina ideológica de toda a direita

Boaventura de Sousa Santos

Para uma nova Declaração Universal dos Direitos Humanos I

Valentine

A luta de classes no Brasil tem a ver com raça e gênero, sim! Parte 1

Boaventura de Sousa Santos

Sopram bons ventos da Espanha