1. Após realizar a prova, faça parte de algum grupo que luta em defesa da Universidade. Se o Brasil continuar no rumo em que está, não haverá Universidade Pública para você;

2. Não reproduza o discurso da elite que quer te ver fora do espaço que ela tem certeza que é dela. Universidade é um direito, não um privilégio. Foram os impostos dos seus pais, avós, tios, etc que construíram cada Universidade Pública deste país. Os ricos não pagam impostos. Usufruem daquilo que os nossos impostos constroem;

3. Não acredite que Universidade seja apenas mérito pessoal. As suas notas serão mérito seu. Ter uma Universidade pública é resultado de muita luta, muita greve, muita gente batalhou para que ela existisse;

4. O orçamento para a Educação Superior em 2018 proposto pelo Governo Temer será de R$ 5,9 bilhões. Em 2015 era de R$13 bilhões. A Emenda Constitucional 95 passa a valer para as Universidades em 2018. Mas não houve teto de gastos para o Temer se manter na Presidência. Somando as duas votações no Congresso ele “investiu” R$30 bilhões. Faça as conta-se tire suas conclusões;

5. Apenas 16% da juventude tem uma vaga na Universidade, o que aumenta a sua responsabilidade por, além de estudar, lutar por sua expansão. As famílias dos outros 84% financiam a Educação Superior mesmo que seus filhos não estejam lá.

6. Não permita que voltemos ao obscurantismo, que tenhamos cerceada a liberdade científica. Não permita que voltemos a um tempo em que a Universidade na fazia parte da sociedade, tal era seu papel elitista. Se retrocedermos, o primeiro que será expulso de um espaço “que não te pertence mais”, será você! Esta é também uma luta de classes!

7. O STF decidiu que se você escrever sobre ódio, feminicídio, LGBTfobia ou pregar nazismo não será punido. Mas defender isso revelará seu caráter e como você quer a sociedade não apenas para você mas para os que você ama. Se você quer uma sociedade de inclusão ou de violência. Você tem escolha! A violência sempre atinge a vida da gente!

No mais, durma bem e boa prova!

Conheça outros colunistas e suas opiniões!

Bruno Ramos

Um ano do massacre de Paraisópolis

NINJA

Para Ver a Luz do Sol. 40 anos de reexistência cosmopolítica no Bixiga

Jorgetânia Ferreira

São Paulo merece Erundina

Bancada Feminista do PSOL

Do #EleNão ao Boulos e Erundina sim!

Fabio Py

Dez motivos para não votar no Crivella: às urnas de luvas!

Filipe Saboia

Recapitulando

Márcio Santilli

O que esperar de um próximo mandato presidencial

História Oral

O Mitomaníaco e os efeitos eleitorais da Pós-Falsidade

Márcio Santilli

Bolsonaro-Frankenstein: cara de pau, coração de pedra e cabeça-de-bagre

Cleidiana Ramos

O furacão de tristezas que chegou neste 20 de novembro insiste em ficar

Colunista NINJA

LGBTI+ de direita: precisamos de representatividade acrítica?

Juan Manuel P. Domínguez

São Paulo poderia ser uma Stalingrado eleitoral

Colunista NINJA

A histórica eleição de uma bancada negra em Porto Alegre

Bancada Feminista do PSOL

Três motivos para votar na Bancada Feminista do PSOL

Carina Vitral da Bancada Feminista

Trump derrotado nos Estados Unidos, agora é derrotar o bolsonarismo na eleição de domingo no Brasil