Série Crentes e Pregadores, de Bárbara Wagner

O prefeito da cidade dos bandeirantes, cuja política educacional permite que crianças sejam marcadas para não repetir a merenda escolar, merenda, cujo volume, outrora suficiente para uma semana, agora, é o diponibilizado para o mês todo, viaja às custas de sua pífia administração, saudado por ovos, como seu congênere, numa indisfarçável campanha para presidente de republiqueta.

Mas, por outro lado, contra todos os detratores e agentes da repressão à vontade popular e à democracia, inclusive togados, o ex-presidente da República Federativa do Brasil, Luis Inácio Lula da Silva, é ovacionado em sua caravana pelo nordeste, deixando claro que sua candidatura, além de ser anti-ditadura, como foi a de Ulisses Guimarães, é exigência da democracia golpeada.

Graças ao fatídico, ofensivo e abusivo “mandato coletivo” supostos agentes da segurança pública são acusados de adentrar casas de trabalhadores, na cidade maravilhosa, e, simplesmente, consumir iogurtes e que tais, certamente, com sacrifício, adquiridos por pais ciosos em satisfazer o legítimo desejo de suas crianças.

Apesar disso, vídeo amador flagra mulheres pretas, em uma das comunidades cariocas aviltadas, resistindo ao desrespeito dessas forças, tidas como de segurança pública, ao som de hineto evangélico que ressalta o valor que Cristo reconhece e confere ao ser humano, levando alguém a sugerir que a revolução será feminina, preta e pentecostal.

A brava gente brasileira começa a reagir!

Conheça outros colunistas e suas opiniões!

Margarida Salomão

Matar um leão por dia e eleger Lula Presidente

Colunista NINJA

O povo Guarani resiste!

Ricardo Targino

Matheusa Passareli vai aparecer em seus sonhos

Ericka Gavinho

Aos artistas, com carinho

Renata Mielli

Folha destila seu ódio contra MTST e MST. Discurso de ódio é crime!

Colunista NINJA

Mães não existem

Henrique Vieira

Henrique Vieira: O Discursos de Bolsonaro Versus o Evangelho de Jesus

Lindbergh Farias

Lindbergh Farias: Show de Boulos, um verdadeiro 7 a 1

Sâmia Bomfim

Sâmia Bomfim sobre incêndio no Paissandu: A 'arquitetura da gentrificação' fez novas vítimas

Luiz Henrique Eloy

A união é o remédio mais eficaz

Mônica Horta

Mônica Horta: Representatividade importa. E “tá na moda”

Márcia Tiburi

Carta Aberta ao Ministro Marco Aurélio Mello

Carlos Minc

Amazônia ameaçada pela expansão da Cana de Açúcar

Liana Cirne Lins

Vai lavar uma louça: Reflexões do 8 de março

Isa Penna

Isa Penna - A Intervenção Militar é machista