#CoisaNossa: Quem faz propagandas com jogadoras de futebol?

#CoisaNossa: Quem faz propagandas com jogadoras de futebol?

Em ano de Copa do Mundo, temos uma certeza: nos meses próximos ao início do evento, boa parte das publicidades são relacionadas ao campeonato, com jogadores expondo marcas de diversas maneiras. Eis que em 2019 a TV aberta vai transmitir pela primeira vez a Copa do Mundo Feminina e, a pouco mais de um mês da competição, a publicidade com as jogadoras basicamente não existe. Pensando em reverter este panorama sexista, a Guaraná Antártica, uma das patrocinadoras da Seleção Feminina criou a campanha #CoisaNossa estimulando que outras empresas façam suas propagandas com as jogadoras e, desta maneira, apoiar à Seleção Feminina na Copa do Mundo! E sim, o dinheiro da venda das imagens será revertido para as jogadoras.

A Copa está há uma menos de uma semana e perguntamos: Quantas vezes você viu as jogadoras em propagandas até então?

View this post on Instagram

Em ano de Copa do Mundo, temos uma certeza: nos meses próximos ao início do evento, boa parte das publicidades são relacionadas ao campeonato, com jogadores expondo marcas de diversas maneiras. Eis que em 2019 a TV aberta vai transmitir pela primeira vez a Copa do Mundo Feminina e quando faltava um mês para a competição, a publicidade com as jogadoras basicamente não existe. Pensando em reverter este panorama sexista, a Guaraná Antártica, uma das patrocinadoras da Seleção Feminina criou uma campanha estimulando que outras empresas façam suas propagandas com as jogadoras e, desta maneira, apoiar à Seleção Feminina na Copa do Mundo! E sim, o dinheiro da venda das imagens será revertido para as jogadoras. A Copa está há uma menos de uma semana e perguntamos: Quantas vezes você viu as jogadaras em propagandas até então? #CopaDoMundoFeminina #GuaranáAntartica #GoGirls #Jogadoras #Publicidade #SeleçãoFemininaDeFutebol #CopaDoMundoFemiNINJA

A post shared by Encuentro De Feminismos (@ellasmujereslatinas) on

Conheça um pouco da “História de Andressa Alves”

Conheça um pouco da “História de Andressa Alves”

Por Isabelly Melo / Copa FemiNINJA

Em sua nova peça promocional para Copa do Mundo Feminina, Nike conta em alguns minutos a história de uma das integrantes da Seleção Brasileira de Futebol, a meia-campista Andressa Alves. No vídeo intitulado “Andressa Alves’ Story”, é possível ver algumas semelhanças com muitas outras mulheres quando começaram a jogar bola: o preconceito, mesmo que velado. Andressa não ganhou nenhuma bola quando criança, e enquanto via os meninos jogarem na rua, pela janela de sua casa, decidiu pegar uma boneca e fazer da cabeça, o brinquedo que hoje é sua profissão. “Nada contra as bonecas. Era só que eu preferia a bola”. Entre tantas conquistas, Andressa foi a primeira brasileira contratada pelo time catalão, Barcelona. Com 26 jogos na Liga Espanhola 2018/19, Andressa já balançou as redes seis vezes. E há menos de 10 dias para o início da Copa do Mundo de Futebol Feminino, a brasileira promete ser uma das peças fundamentais da Seleção.

View this post on Instagram

Em sua nova peça promocional para Copa do Mundo Feminina, Nike conta em alguns minutos a história de uma das integrantes da Seleção Brasileira de Futebol, a meia-campista Andressa Alves (@andressaalves9oficial). No vídeo intitulado “Andressa Alves’ Story”, é possível ver algumas semelhanças com muitas outras mulheres quando começaram a jogar bola: o preconceito, mesmo que velado. Andressa não ganhou nenhuma bola quando criança, e enquanto via os meninos jogarem na rua, pela janela de sua casa, decidiu pegar uma boneca e fazer da cabeça, o brinquedo que hoje é sua profissão. “Nada contra as bonecas. Era só que eu preferia a bola”. Entre tantas conquistas, Andressa foi a primeira brasileira contratada pelo time catalão, Barcelona. Com 26 jogos na Liga Espanhola 2018/19, Andressa já balançou as redes seis vezes. E há menos de 10 dias para o início da Copa do Mundo de Futebol Feminino, a brasileira promete ser uma das peças fundamentais da Seleção. #futebolfeminino #brasil #selecaobrasileira #andressaalves #futebol #bola #nike

A post shared by Mídia NINJA (@midianinja) on

Conselho Nacional do Ministério Público nega pedido de servidoras para assistir a Copa

Conselho Nacional do Ministério Público nega pedido de servidoras para assistir a Copa

Por Victória Amaro / Copa FemiNINJA

QUEREMOS ASSISTIR A COPA – A Associação de Servidores do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) entraram com o pedido para flexibilizar o expediente durante os jogos do Brasil na Copa do Mundo de Futebol Feminino. A iniciativa das mulheres da associação justificou o pedido lembrando que era a primeira vez na história que o evento seria transmitido em TV aberta no país e que no mesmo período, em 2018 houve flexibilização para os jogos da seleção masculina na Rússia. Infelizmente a secretária-geral do CNMP negou o pedido alegando que a magnitude e a tradição do evento e a alta demanda do serviço inviabilizaria a flexibilização do expediente de todo o órgão. Após o veto, o Conselho Nacional anunciou que irá transmitir, nas dependências da instituição, os jogos do Brasil na Copa e os servidores poderão assistir desde que acordado com o supervisor de cada área.

Mesmo com os desafios, nós continuaremos tentando assistir mulheres vencendo no esporte!