Margarida Salomão

Margarida Salomão: A anatomia do golpe de 2016

O golpe de 16 foi fruto de um inesperado arranjo institucional: um acordo tácito entre a mais estéril fatia do Parlamento, com suporte do Judiciário, financiado pela Fiesp e favorecidos por uma mídia retrógrada.

Um ano de golpe e de destruição da pátria

Tudo o que é sólido para o Brasil vem se desfazendo com Temer. Ontem os programas sociais, hoje a Eletrobrás, a Amazônia, logo mais a Petrobras, o pré-sal, o Banco do Brasil.

Distritão, não!

Há na Câmara dos Deputados um espírito de “salve-se quem puder”: A crise de representatividade desaprova o tipo de prática política hoje em curso, e o impacto do desgosto do eleitorado deve influenciar na renovação dos mandatos.