Ivana Bentes

Os idiotas da objetividade

Perdemos as eleições por fatores múltiplos e complexos, mas também por não saber renovar a linguagem. E ninguém tem a fórmula.

O Excrementíssimo Presidente

Bolsonaro e seus mentores parecem desconhecer o básico do carnaval: deboche, ironia, inversão, humor, fazer em público o que se esconde no privado, liberdade. Maior tecnologia de catarse e beleza desse país.

A Classe Média no poder

Esse ethos classe média e moralista dos almoços de domingo e da família conservadora foram tornados políticas públicas e políticas de perseguição e ódio as diferenças.

Retirem o Viés Ideológico de Bolsonaro e não sobra nada!

O Capitão chegou! Mas o Mito tem pés de barro. A vacuidade nos discursos de posse de Bolsonaro é impressionante. Em ritmo de memes do whatsapp. A expressão mais repetida é "sem viés ideológico", tendo sido por um viés ideológico de extrema-direita, de ataque ao humanismo e mesmo ao liberalismo.